terça-feira, 27 de maio de 2008

Maybe

Sim, talvez eu seja covarde.
Talvez eu não goste de me arriscar tanto o quanto um dia eu achei que gostaria. Talvez eu tenha ficado com medo, e o medo nos faz covardes.
Talvez eu esteja errando mais uma, ou acertando pela primeira vez. Não há como saber.
Um dia realmente imaginei que uma vida incerta seria mais fácil, melhor ou até mais feliz;
Eu realmente recuei. Não quis me jogar naquele precípicio escuro esperando que lá embaixo ouvesse um colchão à minha espera para suavizar a queda. Não pulei.
Como curtiria a sensação de liberdade, do vento nos meus cabelos, do friozinho na barriga sem a certeza do macio no fim de tudo?
Acho que sou bem mais apegada a alguns valores do que jamais achei que fosse, pelo menos estou me conhecendo.
Sou Lua e não estrela. Às vezes, por segundos, eu esqueço disto.

2 comentários:

samanta vanz em off disse...

aqui está um dos maiores estraga-prazeres da minha vida: o medo de se arrepender.
mas acho que isto deveria ser deixado de lado, nem q fosse por alguns instantes...

=**

p.s: to com preguiça de logar
=/

Lídia disse...

ahhh

alo vosse11!!!
sijoga!


hasuhasuashasuhashua


(nem fui eu)